Ir para o menu principal Ir para o conteudo principal

Midianews

O prefeito reeleito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB) “ganhou” 53.504 novos votos entre o primeiro e o segundo turnos na Capital. Isso representa um aumento de 64,96% entre uma votação e outra.

 

No dia 15 de novembro, o prefeito havia ficado em segundo lugar com 82.367 votos. E terminou a eleição, neste domingo (29), com 135.871.

 

Ter ficado, no segundo turno, com a maior fatia de votos dados a outros candidatos no primeiro permitiu a Emanuel obter um feito raro.

 

Desde quando foi estabelecido o segundo turno no Brasil, jamais um candidato que tenha ficado em segundo lugar no primeiro turno na Capital conseguiu virar no final da corrida eleitoral.

 

Já Abílio “ganhou” 39.146 novos eleitores na comparação entre o primeiro e o segundo turnos, o que dá um aumento de 43,19%.

 

No primeiro pleito, em 15 de novembro, Abílio havia conquistado 90.631 votos, saltando para 129.777 no segundo.

 

Do total de 378.097 eleitores aptos a votar no domingo, nada menos que 112.449 não compareceram às urnas, votaram em branco ou anularam.