Ir para o menu principal Ir para o conteudo principal

Olhardireto

O ex-governador Júlio Campos se irritou com um colega de partido, o ex-secretário de Esportes de Chapada dos Guimarães, Sérgio Rezende, e o acusou de fazer "coligações esdrúxulas" e vender o partido no município, não permitindo candidaturas para prefeito. Júlio teria se irritado com os "ataques" de Sérgio a ele em um grupo do Democratas no WhatsApp, e pediu que ele parasse "com sacanagem de tentar me desmoralizar". O ex-governador recomendou a Sérgio que "se ponha no seu devido lugar" e disse que não irá mais permitir a mesma postura do colega em Chapada dos Guimarães, que nas eleições municipais deste ano terá candidato a prefeito, "e pra disputar pra valer, não de mentira como você sempre inventa", garantiu Júlio.