CUIABÁ

Saúde

Covid-19: Opas pede ação para países atingirem meta de vacinação

Publicado em

Saúde


A Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) pediu nesta quarta-feira uma ação conjunta nas Américas para ajudar todos os países da região a alcançar a meta de cobertura vacinal contra a covid-19 da Organização Mundial da Saúde (OMS) de 40% de sua população até o final deste ano.

Até o momento, apenas nove países da região vacinaram 50% de sua população, enquanto seis – Jamaica, Santa Lúcia, São Vicente e Granadinas, Haiti, Guatemala e Nicarágua – ainda não alcançaram 20% de cobertura vacinal, de acordo com a Opas.

Sem uma ação conjunta para ampliar a taxa de vacinação e as medidas de saúde pública, é possível que a covid-19 se torne endêmica na região, advertiu a diretora da Opas, Carissa Etienne, em um briefing semanal.

A vacinação com a terceira dose de reforço é recomendada, especialmente para pessoas que tomaram a CoronaVac, vacina do laboratório chinês Sinovac Biotech, e o imunizante da também chinesa Sinopharm, cujos estudos mostraram fornecer uma proteção menor em jovens adultos, disse o diretor-assistente da Opas, Jarbas Barbosa.

Leia Também:  Ministério da Saúde define recursos para ações de vigilância

A vacinação de reforço deve começar entre as pessoas com mais de 80 anos, seguida por aqueles com mais de 60 anos com comorbidades e, em seguida, jovens adultos, disse ele.

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Saúde

Setor de turismo prevê melhora com avanço da vacinação no Brasil

Publicados

em

Por


source
Turismo em Salvador, Bahia
Reprodução

Turismo em Salvador, Bahia

Após despencar 36,6% em 2020, o setor de turismo prevê melhora com o avanço da vacinação no Brasil. Cálculos da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), mostram um cenário positivo para recuperação plena em 2022. 

A margem entre as receitas e o potencial de geração do setor é a menor desde o começo da pandemia. Esta diferença diminuiu pelo quinto mês consecutivo. Neste período, a perda em relação ao faturamento esperado foi de R$ 15,3 bilhões. 

Fabio Bentes, diretor da CNC, afirmou que existe uma melhora principalmente nos subsetores como hospedagem e passagens aéreas. “A gente acredita em uma aceleração no quarto trimestre, diretamente relacionada ao avanço da circulação de pessoas”, disse em entrevista à Folha de São Paulo. 

O diretor ainda afirmou que o setor é capaz de se recuperar plenamente no segundo trimestre de 2022.

Leia Também

Segundo dados obtidos pelo Google Trends, ferramenta que monitora termos mais buscados pelos usuários, a pesquisa pela palavra “viagem” atingiu seu maior pico de interesse em setembro. Este foi o maior patamar obtido desde março do ano passado.

Marina Figueiredo, vice-presidente da Braztoa (Associação Brasileira das Operadoras de Turismo), disse à Folha que a procura por voos domésticos cresceu pelo quinto mês consecutivo. 

“Temos mais destinos sendo vendidos, e o medo das pessoas ficou menor com a vacina. Isso dá uma perspectiva de final de ano muito melhor do que a do ano passado”, afirmou. 

Fonte: IG SAÚDE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

POLÍTICA

MULHER

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA